Logo Fert Embryo
  • Icone Telefone Fert Embryo18 3222-1800
  • 18 98127-6834
  • 18 98135-4780
  • Home >
  • Blog >
  • Qual é a diferença entre inseminação artificial e fertilização in vitro?

Qual é a diferença entre inseminação artificial e fertilização in vitro?

04/08/2020 Fonte: Assessoria de Imprensa - Fert-Embryo

Com o advento da fertilização in vitro e o avanço das técnicas de reprodução assistida, casais e mulheres, além de conseguirem vencer as barreiras que a infertilidade pode apresentar durante tentativas para engravidar, também começaram a mudar suas decisões na hora de constituírem suas famílias, optando pelo momento ideal para terem filhos.

Fertilização in vitro e inseminação artificial são a mesma coisa?

Apesar de agirem com o mesmo propósito, cada uma tem sua especificidade. Portanto a resposta inicial para esta pergunta é: “não!” 

O que é inseminação artificial e para quais casos o procedimento é indicado?

A inseminação artificial é um tratamento de baixa complexidade, ou seja, pode ser realizada em consultório. O requisito para que a técnica seja realizada é a integridade de, pelo menos, uma das trompas da paciente.

O tratamento é divido em três etapas — na primeira, é realizada a estimulação ovariana por meio de medicamentos e o controle do crescimento dos folículos dos ovários por exames de ultrassom.

Já na segunda etapa, o sêmen é coletado e preparado. A terceira etapa e última etapa consiste na transferência dos melhores espermatozoides para o interior do útero, de forma delicada, por meio de um cateter. Facilitando, então, o encontro dos gametas e a fertilização do óvulo pelo espermatozoide de maneira natural, na porção ampolar da trompa.

Depois de 15 dias, é feito o exame de BHCG (teste de gravidez) para avaliar a eficácia do tratamento. O tratamento é indicado para mulheres que apresentam muco cervical deficiente, devido a fator inflamatório ou imunológico, e alterações na ovulação, como Síndrome dos Ovários Policísticos. E para homens com espermograma alterado (oligospermia, astenospermia), problemas anatômicos, além de casos de infertilidade sem causa aparente e disfunção sexual.

A fertilização in vitro Diferentemente da inseminação artificial, no tratamento de FIV a fertilização ocorre totalmente em laboratório, em uma placa de cultura, onde são originados embriões a partir do encontro dos gametas. Posteriormente, depois de um período de 3 a 5 dias, estes embriões são transferidos para o útero da paciente.

A diferença, também, se dá pela complexidade dos casos, em que temos a idade como um dos principais fatores de infertilidade feminina, principalmente para mulheres que desejam ter uma maternidade tardia.

E, também, de infertilidade masculina em certos, casos deve-se recorrer a FIV, como por exemplo,em que os testículos não desceram corretamente da cavidade abdominal para a região escrotal, situação também conhecida por “criptorquidia”. Ou ainda em homens que podem ter varicocele, perturbações endócrinas, infecções com sequelas nos testículos e ductos, e torção testicular.

Centro de Medicina Reprodutiva

Para você, que procura por uma clínica de fertilização, a Fert-Embryo oferece um total acompanhamento e diagnóstico completo feito com o Dr. Wilson Jaccoud para compreender e indicar o tratamento ideal de fertilização in vitro ou inseminação artificial para o seu caso. Visite nosso Centro de Medicina Reprodutiva!

ENTRE EM CONTATO

Utilize o formulário abaixo para entrar em contato conosco, responderemos em breve

COPYRIGHT @ 2020 - Fert Embryo - Todos os direitos reservados - Desenvolvimento: Logo Luz Própria Fert Embryo