Logo Fert Embryo
  • Icone Telefone Fert Embryo18 3222-1800
  • 18 98127-6834
  • 18 98135-4780

Criopreservação de oócitos

Com o avanço das técnicas de Reprodução Assistida, a criopreservação de oócitos possibilitou às mulheres preservar a fertilidade ou evitar/minimizar os riscos advindos da idade sobre seus futuros filhos.

Quando a criopreservação de oócito é indicada?

  • Resolve problemas éticos, legais ou religiosos associados à criopreservação de embriões;
  • Possibilidade de estender a capacidade reprodutiva previamente à entrada na falência ovariana, em função da idade.
  • Programa de doação compartilhada de óvulo;
  • Preservação de fertilidade em casos de doenças malignas nos quais o tratamento possa comprometer a reserva ovariana;
  • Alternativa para pacientes que se submetem aos tratamentos de infertilidade devido à síndrome de hiperestimulação ovariana ou falha ovariana prematura;

-> Criopreservação

Após coletados via punção ovariana, os óvulos são conduzidos ao laboratório e são armazenados na incubadora para finalizar a maturação por cerca de 2 horas. Após este período, é feita uma seleção dos óvulos maduros que são os adequados para a futura fertilização, e que posteriormente são congelados (vitrificação) em nitrogênio líquido a -196ºC.

-> Uso dos oócitos congelados

Os oócitos podem ficar armazenados em containers de nitrogênio líquido por um tempo indeterminado, e quando a mulher decide engravidar, os óvulos são descongelados, fertilizados em laboratório e os embriões formados são transferidos para o útero.

Congelamento de sêmen

O congelamento e armazenamento do sêmen para uso próprio é uma importante opção como forma de preservar sua fertilidade frente a situações onde sua capacidade reprodutiva pode ser colocada em risco.

-> Quando o congelamento de sêmen é indicado?

  • Tratamento para doenças malignas;
  • Cirurgias de testículo ou próstata;
  • Vasectomia;
  • Varicocele;
  • Paciente com oligozoospermia (baixa concentração de espermatozoides) ou astenozoospermia (baixa motilidade espermática progressiva);
  • Ausência do cônjuge durante os ciclos de tratamento;
  • Antes de procedimentos de reprodução assistida (permite a disponibilidade do sêmen, evitando situações de alta ansiedade ou de estresse);
  • Atividades ocupacionais de alto risco.

-> Preparo do paciente pré-congelamento

  • Apresentar seus exames sorológicos: Anti HIV 1 e 2, PCR quantitativo para o HIV,
  • Anti HTLV 1 e 2, Sífilis, HbsAg (Antígeno Austrália), Anti Hbc, Anti HCV e anticorpo IgM Zika Vírus.

-> Orientações quanto realização de 3 coletas, quando possível;

  • Abstinência sexual ou masturbação por 3 a 7 dias antes da coleta;

-> Preservação do sêmen

A amostra de sêmen fica criopreservada em containers de nitrogênio líquido à temperatura de -196ºC, onde pode permanecer por mais de 40 anos.

-> Uso do sêmen congelado

Apenas o próprio paciente pode solicitar o uso da amostra de sêmen congelada para realizar o tratamento de fertilização assistida.

Criopreservação de embriões

A criopreservação (vitrificação) de embriões permite conservar os embriões que se formam durante o tratamento de Fertilização In Vitro.

-> Quando a criopreservação de embriões é indicada?

  • Em caso de embriões excedentes;
  • Conduta de transferência de único embrião por tentativa, minimizando gestações múltiplas e as complicações associadas à ela;
  • Mulheres que apresentaram síndrome de hiperestímulo ovariano grave;
  • Preservação da fertilidade do casal;

-> Criopreservação

Vários estudos recentes demostram que a vitrificação é uma técnica mais rápida, eficiente, segura e com menor custo para a criopreservação de embriões em qualquer estágio de desenvolvimento (clivagem e blastocisto). Na técnica os embriões são imersos diretamente no nitrogênio líquido, após curto período de exposição a uma solução de volume muito reduzido e com altas concentrações de crioprotetores, com intuito de evitar a formação de cristais de gelo, resultando em menor injúria para os embriões.

-> Uso de embrião congelado

Podem ficar armazenados por tempo indeterminado, e quando o casal sob orientação do seu médico especialista em reprodução assistida desejar a gravidez, realizará o preparo do endométrio e então, o descongelamento do embrião e após permanecer de 1 a 4 horas em recuperação, pode ser transferido ao útero da mulher.

ENTRE EM CONTATO

Utilize o formulário abaixo para entrar em contato conosco, responderemos em breve

ENTRE EM CONTATO

Utilize o formulário abaixo para entrar em contato conosco, responderemos em breve

COPYRIGHT @ 2020 - Fert Embryo - Todos os direitos reservados - Desenvolvimento: Logo Luz Própria Fert Embryo