• Icone Telefone Fert Embryo18 3222-1800
  • 18 98127-6834
  • 18 98135-4780

Gravidez aos 40 do segundo filho é mais difícil?

A gravidez aos 40 não é mais um tabu entre as mulheres. É mais comum do que pensamos, isso porque muitas das que já passaram dessa idade afloram seu instinto maternal e sonham com a possibilidade de tornar-se mãe novamente, após ter uma vida consolidada, com uma boa realização profissional e acadêmica de sucesso. 

No entanto, é necessário tomar algumas precauções e ter em mente que, depois dos 40, as chances de engravidar naturalmente são menores, por conta da diminuição da reserva dos óvulos. Isso porque as mulheres nascem com um número finito de óvulos, em torno de 300 mil, que vão se esgotando ao longo do tempo. 

A partir dos 35 anos, acontece uma diminuição acentuada dos óvulos e, por esse motivo, a gravidez é mais difícil aos 40 anos. 

Quais são os riscos da gravidez aos 40?

A gravidez depois dos 40 é considerada de alto risco, isso porque, a partir dessa idade, as mulheres, e todas as demais pessoas, são mais propensas a doenças que podem causar complicações na gestação, como a obesidade, hipertensão, diabetes, doenças de tireoide, entre outras. 

Além dos problemas para a mãe, há riscos para o bebê, como o parto prematuro e a alta probabilidade de alterações cromossômicas numéricas ou estruturais, que podem causar a Síndrome de Down, por exemplo. 

Entretanto, assim como todo tipo de gravidez, existem riscos e benefícios. Na gestação com 40 anos, as mães são mais instruídas e propensas a levar uma amamentação materna por mais tempo, são mais aptas para tomar decisões saudáveis e inteligentes. 

O mais importante é conhecer todos os riscos e se preparar, antes mesmo de engravidar, para curtir o máximo da maternidade. 

Quais são os cuidados necessários quando uma mulher de 40 anos resolve engravidar?

Decidiu engravidar do segundo filho depois dos 40? É extremamente importante ter em mente que essa futura gestação não será como a primeira, em vários aspectos, como idade, saúde e ovulação.

No momento inicial, é recomendável fazer uma consulta pré-concepcional, ou seja, a etapa antecessora à concepção da gestação. A programação é essencial para uma gravidez mais saudável. 

Alguns atos são fundamentais para diminuir a probabilidade de complicações durante sua gestação e com seu bebê, a primeira e a mais importante é sempre manter uma conversa com seu médico, outro passo é a ingestão do ácido fólico, três meses antes de engravidar para prevenir defeitos congênitos. 

Com o teste positivo, inicie imediatamente o pré-natal para acompanhar o decorrer da gestação com informações detalhadas de um profissional, ultrassonografias e testes. 

Como conseguir engravidar depois dos 40?

Como já vimos, é possível engravidar naturalmente depois dos 40 anos, mas a chance de acontecer com sucesso é menor do que nas mulheres de menor idade. Pensando nisso, se a mulher tentar a gravidez de forma natural, algumas dicas podem auxiliar o tão esperado positivo. Abaixo, você verá quais são elas: 

  • Realizar check-ups completos, antes de iniciar as tentativas
  • Verificar a reserva ovariana, por meio de exames de sangue e ultrassom. 
  • Ingerir o ácido fólico cerca de três meses antes
  • Evitar passar por estresses e ansiedades
  • Praticar exercícios de forma regular
  • Manter uma alimentação saudável
  • Ter relações sexuais frequentes durante o período fértil

Porém, mesmo com todos os cuidados, após seis meses de tentativas a gravidez não teve sucesso. é indicado buscar por um tratamento para engravidar, como os procedimentos de reprodução assistida. Para isso, existem duas técnicas: 

  • Inseminação artificial: é ideal para os casais que não apresentam problemas graves de infertilidade, mas que têm dificuldade de ovulação, baixa quantidade ou motilidade de espermatozoides. Nesse caso, o sêmen é inserido diretamente no colo do útero e a  fecundação ocorre dentro do corpo da mulher.
  • Fertilização in vitro: é indicada para os casos de infertilidade mais grave. Para isso, procure por um clínica de fertilização especializada e que seja de referência, assim como a Fert-Embryo. Nesse caso, é realizada a coleta dos gametas femininos e masculinos, as mulheres passam pelo estímulo da ovulação e os homens precisam ter uma amostra de espermatozoides. Logo após, ambos são unidos, em laboratório, para passar pela formação do embrião, transferido ao útero. 

Na Fert-Embryo, seu atendimento é completo e personalizado para você realizar o sonho da maternidade.Faça já uma consulta com o Dr. Wilson Jaccoud e realize o sonho da maternidade!

Dr.Wilson Jaccoud, médico diretor clínico da Fert-Embryo

CRM-SP: 41.142

RQE: 13038

  • Share post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ENTRE EM CONTATO

Utilize o formulário abaixo para entrar em contato conosco, responderemos em breve

COPYRIGHT @ 2020 - Fert Embryo - Todos os direitos reservados - Desenvolvimento: Logo Luz Própria Fert Embryo